B-Side: Jamie Lidell

Considerado a versão masculina da cantora Amy Winehouse, o ‘nerd’  Jamie Lidell retornou ao Brasil após seis anos.

Pela primeira vez no Brasil, no Tim Festival, o cantor britânico de soul não empolgou o público. Com shows em São Paulo e Rio de Janeiro, na semana passada, para a divulgação do álbum Compass, lançado em 2010, Lidell aparece com banda reduzida a três integrantes, antes seis. Apesar de  público ainda restrito, dessa vez o cantor conseguiu animar e até fez os presentes cantarem  junto.

A paixão dele pela Motown é muito evidente nas músicas. Elas nos remetem ao ‘Som da Motown’, um soul com uso de pandeiros, instrumentos de sopro, instrumentos do R&B e coral de canto e resposta. Segundo Lidell, em matéria de música e estilo temos muito o que aprender com a Motown.

Com seu tipão barbudo, olhos azuis, óculos de ‘nerd’ e cantando música black, o que pode causar estranhamento, Lidell ganhou destaque com Multiply, que acabou sendo usada no seriado Grey’s Anatomy.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=fkqIsSTWSsc[/youtube]

Uma das minhas favoritas, Little Bit of Feel Good foi lançado em 2008 no álbum JIM.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=T–j0_yxBaY&feature=related[/youtube]

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.